Saque de R$ 1 mil do FGTS tem novo lote liberado HOJE por 3,8 milhões

A Caixa Economia Federal divulga neste sábado (14) a retirada extraordinária do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) para um novo grupo de trabalhadores. De acordo com o calendário oficial, os trabalhadores nascidos em maio poderão sacar até R$ 1.000 de suas contas. A partir dessa data, eles terão até o dia 15 de dezembro para movimentar o valor.

De acordo com informações do Governo, os recursos não utilizados voltarão ao fundo. Os lançamentos seguem o cronograma estabelecido pela Caixa Econômica Federal (veja abaixo).

Neste sábado, a expectativa é que 3,8 milhões de trabalhadores consigam sacar os valores. Mais de R$ 2 bilhões serão liberados pelo governo federal, de um total de R$ 30 bilhões que serão concedidos ao longo dos pagamentos.

Portanto, você ficará muito satisfeito em ver:

Saque em dobro do FGTS; veja quem tem direito

Nova ID Digital: Como emitir o novo documento em maio

FGTS: Quando o dinheiro pode ser sacado?

De acordo com o calendário, as retiradas continuarão sendo liberadas até 15 de junho. Por outro lado, todos os grupos poderão retirar até dezembro, segundo informações do Governo Federal.

Veja a programação para os nascidos a cada mês:

  • Janeiro: 20 de abril
  • Fevereiro: 30 de abril
  • Março: 4 de maio
  • abril: 11 de maio
  • Maio: 14 de maio
  • Junho: 18 de maio
  • Julho: 21 de maio
  • Agosto: 25 de maio
  • Setembro: 28 de maio
  • Outubro: 1º de junho
  • Novembro: 08 de junho
  • Dezembro: 15 de junho

É importante lembrar que os trabalhadores não são obrigados a realizar a retirada do FGTSmas se não quiserem aproveitar a oportunidade, só poderão fazê-lo em situações específicas previstas em lei.

Valor do saque do FGTS

De acordo com Governo federal, o limite de depósito extraordinário do FGTS é de R$ 1 mil por cidadão. No entanto, isso não significa que todos receberão esse valor. Tudo depende do seu equilíbrio.

Se um cidadão tiver saldo de R$ 200, esse é o valor que ele receberá. Se ele tiver um saldo de R$ 20.000, então ele receberá apenas R$ 1.000. O limite de recebimento pode ser inferior, mas nunca superior ao limite.

canais de atendimento

Primeiramente, em caso de dúvidas, o trabalhador terá os seguintes canais de atendimento:

Aplicativo do FGTS e agências da Caixa Econômica Federal:

  • Consulte o valor a ser creditado;
  • Verifique a data do crédito na Conta Poupança Social Digital;
  • Informar que não deseja receber o crédito do valor;
  • Solicitar a devolução do valor creditado na conta do FGTS;
  • Por fim, alteração no cadastro para criação de Conta Poupança Social Digital.

Site fgts.caixa.gov.br:

  • Primeiramente, faça a consulta se o trabalhador tem direito ao Saque Extraordinário do FGTS;
  • Por fim, verifique a data do crédito na Conta Poupança Social Digital.

Consulte o site do FGTS

Em primeiro lugar, o trabalhador que preferir pode consultar o saldo do FGTS através do site oficial do Fundo de Garantia. Lá, será possível saber se o cidadão tem o direito de rescisão.

Portanto, em caso de resposta positiva, ele também poderá consultar a data de liberação do crédito que será feita pelo Governo Federal.

Consulta por aplicativo

Através do aplicativo, o leque de possibilidades é visivelmente maior. O cidadão também poderá saber se há saldo em seu nome e também qual será a data de recebimento do benefício, em caso de resposta positiva. Mas além disso, o trabalhador também poderá consultar alguns dados básicos que estão disponíveis.

Por fim, por meio do aplicativo, o cidadão também pode informar que não deseja receber o saldo do FGTS agora mesmo. Além disso, também é possível solicitar a devolução do valor creditado na conta do FGTS.

Posteriormente, o indivíduo poderá utilizar a conta para atualizar os dados cadastrais e criar a chamada Poupança Social Digital, que servirá para depósitos.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.