Beijo gay e aborto: programa matutino da Globo repercute nas redes – DiversEM

Duas fotos lado a lado.
Gil do Vigor dá beijo gay no Mais Voce e Cssia Kis fala sobre aborto no Encontro com Fátima Bernardes (foto: TV Globo/Reprodução)

Na manhã desta quinta-feira (12), a Rede Globo transmitiu dois momentos que tiveram muita repercussão nas redes sociais. A primeira foi protagonizada por Gil do Vigor, que, ao participar do segmento Singles Online do programa Mais Voc, deu um beijo em outro homem. A segunda foi durante uma conversa com Fátima Bernardes no Encontro, quando a atriz Cssia Kis revelou que já havia feito um aborto, mas que, hoje, luta pela defesa da vida.

A emissora já tinha um histórico de conservadorismo, mas começou a assumir uma postura mais progressista ao longo dos anos. Questões como racismo, machismo e LGBTfobia começam a aparecer não só nos noticiários, mas também nos produtos de entretenimento. No entanto, conteúdos mais diretos, como beijo gay ou aborto, geralmente não fazem parte da programação matinal.

Beijo de Gil do Vigor

No Mais Voc, foi exibido um trecho do encontro que Gil do Vigor teve com Raimundo do Goiás após algumas conversas à distância. Os dois tiveram um jantar romântico e se beijaram assim que se conheceram pessoalmente. A apresentadora, Ana Maria Braga, antecipou as críticas que sofreria por conta da aproximação do programa e comentou, ao final do quadro, sobre amor e mudanças, ressaltando que houve muita dedicação para que a produção fosse ao ar .

“Acredito que toda forma de amor vale a pena. Bom saber que fomos citados como um programa matinal tradicional que mostrava um homossexual em busca de um parceiro em uma cena de namoro, quebrando um paradigma na TV brasileira. Esse era apenas mais um programa entre os 5561 programas que estamos concluindo hoje. Muitos erros, muitos acertos, mas tenha certeza que há uma equipe inteira com dedicação exclusiva, envolvida”, disse o apresentador.

Em 2021, Gil do Vigor e Lucas Penteado deram o primeiro beijo gay entre homens da história do reality show Big Brother Brasil. Nas novelas da Globo, o primeiro beijo gay foi em 2014, estrelado por Mateus Solano e Thiago Fragoso, que interpretaram Flix e Niko, respectivamente, em Amor Vida, novela de Walcyr Carrasco.

Nas redes sociais, muitos internautas comemoraram o momento da transmissão do programa, elogiando também Ana Maria Braga.

Cssia Kis anti-aborto

Seguindo a programação após o encerramento do Mais Voce, o Encontro com Fátima Bernardes teve como uma de suas convidadas Cssia Kis, que interpretou Maria Marru na primeira versão da novela Pantanal. A atriz revelou, durante a conversa, que já fez um aborto – ato que ainda é considerado ilegal no Brasil -, mas que, atualmente, defende a vida e se considera uma “madrinha” da causa antiaborto.

“Eu parei pela primeira vez em uma cena no Pantanal, e logo depois fiz a novela Barriga de Aluguel, então foram dois projetos que trouxeram à tona a questão da maternidade, uma questão muito forte para mim. Em 1985 eu tinha um aborto, isso mudou. minha vida. Hoje sou madrinha que defende a vida. Mulher que quer fazer aborto, eu corro atrás, peço para não fazer”, relatou.

Atualmente, a atriz tem quatro filhos e conta que seu relacionamento com eles a ajudou a mudar de posição, ainda relacionando-a com sua fé católica. “Por que uma família católica tem tantos filhos diante de um mundo que tem tantos abortos? Tenho amigos com 10, 11 filhos”, perguntou.

Além do discurso antiaborto, Cssia Kis comentou que a religião existe no catolicismo e que o bioma pantanal vem sofrendo com a devastação natural – sem interferência humana -, embora já haja relatos de que as queimadas na região sejam resultado de práticas agrícolas no país. Os comentários tiveram grande repercussão nas redes sociais e divergiram bastante.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.